Para quem tem mais de 60. O que fazer em 2015?

ano novoPara quem tem mais de 60. O que fazer em 2015?

Ao se apagarem as luzes de mais um ano, ao chegarmos às portas de 2015, é da natureza humana fazer uma retrospectiva e lançarmos um olhar para o futuro próximo. Infelizmente, um dos pensamentos se tornam mais presentes quando se está nos 60, e muito mais quando já os passamos, é a de que o caminho que resta é mais curto do que o caminho que percorremos.

Pois é, dia 26 de dezembro. O que faremos hoje? Lembrar o que passou? Planejar o amanhã? Ficar preocupado com o tempo, reconhecer a inexorável ação do tempo que nos faz conscientizar da finitude da vida?

Vamos evitar tais pensamentos.Vamos nos lembrar de que temos muito a fazer ainda, que temos objetivos ainda não alcançados, que temos muitos relacionamentos que queremos cultivar e comemorar.

E para ir em frente e de bem com a vida, o melhor é manter a morte longe da mente, afastar o medo da não existência e aceitar o que é inevitável.

Vamos aproveitar este final de ano para agradecer sinceramente pelo que somos, pelo que temos e pela possibilidade que ainda temos de realizar mais coisas.

Isto fará sua vida melhor!

Baseado em um artigo de Mark Morgan Ford ¹, descrevo aqui 3 coisas que ajudarão:

  1. Gaste 15 minutos apenas para você.

Faça uma caminhada. Vá para um lugar calmo. Respire lentamente. Olhe ao redor. Conscientize-se de que um dia, mais cedo do que você acredita, você não mais existirá. Você não estará ali para respirar o ar puro, para sentir o calor do sol em sua pele e ver coisas que você sente bonitas. Você não estará mais por perto para ouvir o som de suas crianças e o riso de seus melhores amigos.

Tente mentalizar, tão claro quanto possível, o sentido de sua própria finitude. Tente parar de negá-la, ainda que por alguns momentos.

  1. Pense em todas as coisas pelas quais deve agradecer. Faça uma lista de agradecimentos.

Há certamente muitas coisas de que você já se esqueceu. Faça um esforço para se lembrar de todas as  coisas que você tem. Se você é saudável, esta condição é provavelmente o item mais alto em sua lista. Se você tem amigos e familiares com quem se preocupa, estes também estarão lá no alto. Se você alcançou algum grau de sucesso material ponha-o também na lista – mas com certeza abaixo da saúde, da família e dos amigos.

  1. Tome uma resolução de que de agora em diante você dedicará todo dia, alguns momentos para olhar o tempo por um outro ângulo – o da valorização da sua lista de agradecimentos  – e então acordar para a vida e para todas as bênçãos que recebeu e das quais pode usufruir enquanto viver.

“Gratidão”, disse Cícero, “não é apenas a maior das virtudes, mas a mãe de todas as outras”.

pense nisso! PENSE NISSO!!

FELIZ ANO NOVO!!! É o que desejamos.

Equipe 3imelhor.

*************************************************************************************************

(1) MARK MORGAN FORD é autor, empreendedor e fundador do Common Sense Living. Seus artigos e publicações sobre finanças, negócios e economia, são referência na indústria.

email

This entry was posted in Comportamento by Cida Griza. Bookmark the permalink.
Cida Griza

About Cida Griza

. Especialista em Saúde Mental, Psicopatologia e Psicanálise - PUC/PR . Especialização em Atenção à Saúde do idoso (Gerontologia) - UFSC/SC . Coordenadora da Abraz-Subregional de Joinville/SC (2002 - 2010) . Professora Universitária na disciplina de Geriatria e Gerontologia - ACE/SC . Professora do curso de pós graduação em Gerontologia - FURB/SC . Professora do Grupo ECM - Estimumlação Cognitiva e Motora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *